Avança discussão sobre teletrabalho no BRB; próxima rodada está marcada para terça (2)


Começaram bem as negociações dos bancários e bancárias do BRB na Campanha Salarial 2022. Além de definir o calendário de encontros, representantes dos trabalhadores e do banco avançaram no debate sobre teletrabalho e mantiveram o modelo de distribuição da PLR. A próxima rodada de negociação está marcada para terça-feira, 2 de agosto.


O primeiro encontro para debater a renovação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) dos bancários do BRB se deu no dia 26, quando o calendário de negociação foi definido. Até 30 de agosto, os representantes dos trabalhadores e o banco têm reuniões todas as terças e quintas, com possibilidade de encontros extras. A data-base da categoria bancária é 1º de setembro.


A negociação ocorreu quinta 28. Durante os debates, o banco aceitou manter o modelo de PLR adotado no último acordo, garantindo uma porcentagem maior em distribuição na proporção de um resultado maior, podendo chegar a 20% do lucro líquido apurado. Do total, 60% serão distribuído linearmente e os 40% restantes dependerão do atingimento de metas.


Seguindo o posicionamento da Fenaban, o BRB também aceitou negociar as propostas dos bancários para definir a redação das cláusulas específicas sobre teletrabalho. As tratativas avançaram e já ficou estabelecido que:


não haverá travas de distância em relação à unidade de lotação para o trabalho remoto;

para situações de emergência, a convocação para o comparecimento presencial ocorrerá com um prazo mínimo de antecedência de 24 horas, considerando sempre as condições de deslocamento;

o banco fornecerá, de acordo com a necessidade, estação de trabalho e mobiliário, comprometendo-se a manter o estoque necessário para isso;

haverá uma ajuda de custo para energia elétrica e serviço de internet;

o banco se compromete a fazer o controle da jornada de trabalho de modo a garantir que a carga horária contratada seja respeitada.

“Os avanços na direção de um acordo ou aditivo de teletrabalho foram consideráveis desde a implantação do modelo de emergência aplicado durante a pandemia. Parece que estamos chegando a um ponto que vai melhorar a qualidade de vida dos funcionários contemplados. O Sindicato dos bancários de Brasília DF coordena as negociações com o BRB em nome do Comando nacional dos bancários. A direção do SEEB DF orienta que os colegas devem ficar atentos à possibilidade da convocação de assembleia para a discussão deste assunto na próxima semana.


O banco se comprometeu a revisar o texto ajustado em mesa para apresentar nos próximos encontros. O Sindicato e o BRB pactuaram de revisar regularmente o modelo de teletrabalho para atender às demandas e ajustar eventuais erros.


Para Ivan Amarante, diretor do Sindicato dos Bancários de Brasilia, “iniciamos a mesa de negociação com o banco de modo a trazer algumas conquistas para o bancário, com a renovação do acordo de PLR e a novidade do acordo de teletrabalho. Todavia, entraremos em uma fase mais aguda da campanha salarial que merece toda atenção e mobilização dos bancários do BRB”.


Da Redação do Sindicato dos bancários de Brasília DF


wix-icones.png

@sindibancariosba

Ativo 1.png