top of page

Defesa do SUS, diminuição da carga horária e importância do sindicato. Confira 2ª parte do Encontro


“Pense sempre no seu colega, no companheirismo, pense em ser solidário, em dividir conhecimento, em crescer juntos. O que o banco está fazendo com vocês é uma batalha entre colegas”, afirma Fabiano Matias, diretor administrativo do Sindicato dos Bancários do Extremo Sul da Bahia.

Um bate-papo entre bancári@s com encaminhamentos para o Sindicato foi o que aconteceu na segunda parte do Encontro Regional d@s Bancári@s, que ocorreu na tarde de sábado (26), no Hotel Portonápolis em Eunápolis (BA). Entre os assuntos que vieram à tona estão a necessidade d@s bancári@s de conhecerem as normas de seu banco, a participação ativa nas atividades do sindicato e a necessidade de recuperar o espírito de solidariedade entre colegas.


Assim como na parte da manhã, o conflito ético esteve em pauta. Segundo Fabi Uehara, coordenadora da CEE Caixa, “a gente vende para os clientes algo que ele não precisa porque o banco está obrigando as pessoas a atingirem aquela meta”. Fabi também ressalta a importância da sindicalização e da participação. “É o sindicato que vai defende-los do que for possível”, complementa.


A competição para o alcance de metas também teve destaque. Fabiano Matias, diretor administrativo do Sindicato dos Bancários do Extremo Sul da Bahia, defende o resgate da colaboração entre colegas. Segundo ele, a competição é um ganho a curtíssimo prazo. “Pense em crescer junto, o que o banco está fazendo com vocês é uma batalha entre colegas”, afirma Fabiano.


Como uma das soluções para o adoecimento da categoria, pauta da primeira parte do Encontro, João Climário, diretor do Sindicato dos Bancários do Extremo Sul da Bahia, defende a diminuição da jornada de trabalho entre bancários: “somos uma categoria que tem um adoecimento diferenciado das outras”.


Gilderaldo, diretor do Sindicato dos Bancários do Extremo Sul da Bahia, relembra a importância do SUS para a saúde do trabalhador. “Nós temos que pensar que muitos trabalhadores não tem plano de saúde, precisamos discutir a saúde no aspecto geral”, afirma.


Logo após esse bate papo entre bancári@s, Fabi Uehara formou uma roda com funcionários da Caixa Econômica Federal para discutir assuntos relacionados ao banco.


"Defender a saúde e ampliar os direitos” é o tema da 30° edição do Encontro Regional d@s Bancári@s que tem como objetivo debater os impactos do trabalho nos bancos na saúde mental e física dos trabalhadores. O encontro – iniciativa do Sindicato dos Bancários do Extremo Sul da Bahia – busca, através do debate conduzido por especialistas e pelo momento de escuta com os participantes, contribuir com a reflexão e despertar da consciência sobre temas atuais que impactam o dia a dia dos bancários e bancárias.


Posts recentes

Ver tudo
wix-icones.png

@sindibancariosba

Ativo 1.png
whatsapp-logo-2022.png
bottom of page