top of page

Bancários do BRB decidem sobre novos acordos em assembleia remota

Bancários do BRB decidem sobre novos acordos em assembleia remota nesta quarta (14); Sindicato orienta aprovação.



O Sindicato convoca os bancários e bancárias do BRB para participarem de assembleia geral extraordinária específica remota nesta quarta-feira (14), para deliberação acerca dos termos das propostas de Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) para 2022/2024, de Acordo Aditivo de PLR para 2022/2023 e de Acordo Aditivo de Teletrabalho para 2022/2023 (confira a íntegra na sequência mais abaixo, nesta ordem). O Sindicato indica a aprovação dos acordos.


O BRB se comprometeu a seguir o que foi acordado com a Fenaban em relação às cláusulas econômicas. Assim, os funcionários, que aprovaram a proposta de CCT em assembleia nos dias 31 de agosto e 1º de setembro, têm garantidos aumento de 10% nos vales alimentação (VA) e refeição (VR); uma 14ª cesta alimentação no valor de R$ 1 mil a ser paga somente este ano (até outubro); e reajuste nos salários e em todas as demais verbas de 8% em 2022. Para 2023, a CCT prevê aumento real de 0,5% (INPC + 0,5%) para salários, PLR, VA/VR e demais cláusulas econômicas.


> Os trabalhadores votam pelo link https://bancariosdf.votabem.com.br/ no período de 8h às 23h59.


O esforço, a firmeza e a capacidade de diálogo do Sindicato nas difíceis rodadas de negociação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) com o BRB, além de manterem intocadas as conquistas obtidas ao logo dos últimos anos, com mobilização e luta dos trabalhadores e trabalhadoras do banco, resultaram também em aperfeiçoamentos e mudanças importantes e benéficas. São destaques na proposta de acordo:

  • Banco e sindicato vão criar um calendário de eventos sobre saúde e segurança do trabalho

  • Abonos vencidos serão lançados junto com as próximas férias a serem tiradas, fazendo com que abonos não mais sejam perdidos

  • O tempo reservado para amamentação vai ser de até 2h em caso de filhos múltiplos; o texto novo vai ser de gênero neutro

  • Período de compensação do banco de horas passa a ser de 3 meses

  • Alteração da cláusula da CIPA incluindo as 12 maiores agências nos treinamentos

  • Fica garantida a representação dos empregados nos processos administrativos disciplinares

  • Sobre o teletrabalho: ficam assegurados o controle da jornada e o direito à desconexão; o banco arcará com ajuda de custo mensal no valor de R$ 90; a realização do trabalho poderá se dar em local de escolha do empregado

  • Renovação do acordo aditivo de PLR

  • Contribuição negocial: instrumento importante para o financiamento da luta sindical, durante todo ano e também importante mecanismo de custeio das campanhas, cujos resultados são convertidos em conquistas, usufruídas por todos os trabalhadores, sejam sindicalizados ou não. Sua base constitui-se a partir da aplicação de percentual de 1,5% sobre a remuneração bruta reajusta em setembro, com piso mínimo de R$ 50 e teto de R$ 250. Também há incidência de 1,5% sobre a PLR, sobre cada uma das parcelas, observado o teto de R$ 210.

Para o diretor do Sindicato e coordenador da comissão de negociação com o BRB, Edson Ivo, a garantia de que os abonos vencidos serão pagos e não serão mais perdidos e a inclusão da representação dos trabalhadores nos processos disciplinares expressam bem a relevância dos avanços alcançados. “Estamos falando da preservação de um direito e da democratização das relações de trabalho para proteção aos bancários e bancárias contra perseguições e injustiças”.


Confira a íntegra do novo ACT 2022/2024:

novoactbrb20222024 (1)
.pdf
Download PDF • 368KB





Proposta de novo aditivo de PLR:

aditivoPLRBRB
.pdf
Download PDF • 146KB





Leia o aditivo de teletrabalho:

aditivo20222024teletrabalho
.pdf
Download PDF • 127KB





Confira o edital de convocação da assembleia:


Da Redação





Posts recentes

Ver tudo
wix-icones.png

@sindibancariosba

Ativo 1.png
whatsapp-logo-2022.png
bottom of page